No primeiro jogo sem Jair Ventura, Sport joga mal e empata com o Afogados

Equipes empataram sem gols no Vianão, em Afogados – Foto: Anderson Stevens / Sport

Em jogo equilibrado, Afogados e Sport empataram sem gols no Estádio Vianão, em Afogados da Ingazeira. A partida, válida pela quinta rodada do Campeonato Pernambucano, foi marcada pela falta de criatividade e pelo repertório limitado do leão, que repetiu erros cometidos anteriormente e esbarrou na solidez defensiva da equipe da casa.

Nos primeiros minutos da etapa inicial, o Sport – comandado pelo interino César Lucena – tentou impor um ritmo acelerado, mas logo arrefeceu e permitiu que o Afogados equilibrasse as ações. Mesmo com a necessidade de duas alterações precoces e forçadas, por causa de lesões, o time comandado por Sérgio China conseguiu manter uma marcação bem ajustada, que complicou as investidas do leão, e fez boas investidas no setor de ataque, especialmente nos últimos vinte minutos, No entanto, a coruja pecou nos momentos em que precisou finalizar.

O Sport, por sua vez, não conseguiu produzir boas jogadas e, consequentemente, não ofereceu grande perigo à meta defendida por Léo. Com a bola, a equipe rubro-negra trocava passes de forma lenta e improdutiva, com pouca efetividade no setor ofensivo. Para tentar quebrar as linhas da equipe da casa, o Sport insistiu em passes longos e cruzamentos na área. No primeiro tempo, o destaque positivo do leão foi Toró, que ocupou bem o lado esquerdo do campo, onde se concentraram as ações do Sport nos primeiros quarenta e cinco minutos.

No primeiro terço do segundo tempo, o panorama do primeiro tempo se repetiu. Bem postado defensivamente, o Afogados inibiu o Sport, que continuou insistindo em um jogo desacelerado e com muitos passes errados. Aos 22, César Lucena substituiu Toró por Thiago Lopes e acionou Ewerthon, numa tentativa de encorpar o meio-campo e dar velocidade à equipe, mas a reação não aconteceu.

Nos últimos 15 minutos, o leão jogou com um a menos. Numa investida do Afogados, Luan Polli saiu mal, interveio com as mãos fora da grande área e foi expulso. Com a desvantagem, o Sport que já estava mal em campo, ficou sem ação.

O rubro-negro volta a campo no próximo sábado (10), quando vai a Campina Grande para enfrentar o Treze/PB em jogo válido pela oitava rodada da  Copa do Nordeste; o Sport não tem mais chances de classificação à segunda fase do torneio regional. Pelo estadual, o próximo compromisso é contra o Vitória/PE na quarta-feira (14). Já o Afogados só volta a atuar pelo Pernambucano no dia 18 de abril, quando visita o Central em Caruaru.

FICHA TÉCNICA
Afogados:
Léo; Heverton, Matheus, Janelson (Cal Rodrigues) (Ronda) (Lukas) e Gabriel; Arez, Frank, Jordan (Wendel), e Vinícius Vargas; Piauí e Thalison. Técnico: Sérgio China.

Sport:
Luan Polli; Patric (Ewerthon), Maidana, Adryelson e Sander; Marcão, Betinho (Ronaldo) e Thiago Neves (Maílson); Neilton (Maxwell), Toró (Thiago Lopes) e Tréllez. Técnico: César Lucena.

Cartões amarelos: Betinho, Patric, Maidana  (SPO);
Cartões vermelhos: Luan Polli (SPO);
Estádio: Vianão (Afogados da Ingazeira/PE)
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Hugo Soares Dias Figueiredo
Assistentes: Clovis Amaral da Silva e Michel Ferreira do Nascimento

Informações do Portal FolhaPE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top