Mulher é espancada pelo próprio filho e tem casa destruída por fogo colocado por ele

Foto: Reprodução Whatsapp

A policia rodoviária federal contabilizou nesta quarta 7 acidentes, com 11 veículos envolvidos, 6 feridos e 1 óbito

Foram apreendidos dois adolescentes de 16 anos na Travessa do Pacífico, no Bairro Santa Rosa em Caruaru e com eles, 43 big-big’s de maconha, 180 reais e centenas de bolsinhas plásticas utilizadas para guardar a droga.

O motorista de um caminhão que transportava cimento perdeu o controle do veículo e tombou fora da pista. O homem ficou ferido, a princípio sem gravidade, e foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros ao Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns. O acidente ocorreu no Km 75 da BR 424, em Caetés.

A Polícia Militar encaminhou na tarde desta quarta-feira, a delegacia de polícia, o usuário de tine e flanelinha, Paulo Sérgio, residente na Cohab III, em Garanhuns. Ele teria supostamente tentado assaltar uma pessoa que não prestou queixa nem se apresentou à polícia. Um policial militar do Estado de Alagoas também se envolveu na ocorrência e contou aos militares que havia sido ameaçado pelo flanelinha.

Um veículo Toyota Bandeirantes, preto, de placa MZU-9934, que é utilizado para realizar o transporte de passageiros, foi tomado de assalto as 04:00 h e 30 minutos de hoje no Conjunto Habitacional Luiz Bezerra Torres. Quem souber do paradeiro do veículo que entre em contato com proprietário (81) 9 9297-4041, que será bem gratificado.

Foi espancada pelo próprio filho no início da noite desta quarta-feira (12), próximo a antiga Mandacaru Motor em Caruaru, Valma Ferreira da Silva, de 40 anos, que mora na Favela da Locar. Após ter sido agredida ela voltou para casa e ao chegar no imóvel se deparou com a casa destruída, pelo fato do filho ter ateado fogo no imóvel. Ela é carente e vive pedindo esmolas. A mãe acusa o filho, Gabriel Silva Monteiro Soares, de 18 anos, de tê-la espancado, pelo fato de ser traficante e dela não permitir. Ela então teria o expulsado do imóvel e revoltado com isso ele a chamou de comédia, a agrediu e depois ateou fogo na casa dela, destruindo o imóvel.

Foto: Reprodução Whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

scroll to top
error: O conteúdo está protegido !!