Morre no Recife aos 89 anos, Genival Lacerda, vítima de complicações da Covid-19

Foto: Reprodução Instagram 

Faleceu na manhã desta quinta-feira (07), aos 89 anos, o cantor e compositor paraibano, Genival Lacerda. O artista estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Recife, desde o dia 30 de novembro do ano passado, por complicações da Covid-19. No dia 4 de janeiro, Genival teve uma piora no quadro de saúde, onde havia sido iniciada uma campanha de doação de sangue para o cantor. O sepultamento está marcado para acontecer às 18h desta quinta, no cemitério Nossa Senhora do Carmo, também conhecido como cemitério Monte Santo, em Campina Grande – PB, sua terra natal. 

Com 64 anos de carreira, Genival Lacerda, foi conhecido em todo o Brasil por seu carisma e irreverência e era um símbolo da cultura Nordestina. Seu primeiro disco foi gravado em 1956, intitulado como “Coco de 56”. Diversas músicas  como: “Mate o véio”, “Radinho de Pilha” e “De quem é esse jegue”, consolidaram o sucesso e bom humor do artista. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top