Registrados 11 homicídios em 24 horas em Pernambuco e mulher morre em acidente em Toritama

Onze pessoas foram assassinadas durante as últimas 24 horas em Pernambuco. Com estas mortes, subiu para 195 o número de homicídios no mês de outubro. De janeiro até agora são 3.034 assassinatos no Estado.

Em Buíque, no Agreste, aconteceu um duplo homicídio nesta segunda-feira (19). Dois jovens foram assassinados em uma estrada de acesso ao Catimbau, zona rural do município. Roberlânio Dias da Silva, 25 anos, e Mizael Anjos Alves, 21, foram mortos com tiros nas costas e cabeça.

Em Iati, também no Agreste, a vítima da violência foi Samuel Jerônimo Ramos, 39 anos. Ele foi morto a tiros quando chegava em casa conduzindo seu veículo com um paredão de som. O crime foi praticado por dois homens em uma moto. Um sobrinho da vítima também foi baleado e socorrido para o Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns.

Em Garanhuns, um adolescente de 17 anos foi apreendido pela Polícia Militar portando uma metralhadora. A arma estava dentro de uma sacola. Os policiais também encontraram com o menor 250 gramas de maconha.

Em Altinho, um homem foi encontrado morto dentro da barragem do Estado. José Leanderson Alves dos Santos, 26 anos, morava em Caruaru e costumava ir a Altinho para se divertir com amigos.

Acidentes

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 6 acidentes, no plantão 24 horas, com 9 veículos envolvidos. Uma pessoa morreu e 8 ficaram feridas. Ainda no balanço, oito pessoas detidas.

O acidente com vítima fatal aconteceu na BR-104, em Toritama, no final da tarde desta segunda-feira (19). A batida foi entre um veículo Toyota lotação e um Gol. Seis passageiros da Toyota ficaram feridos e foram socorridos por equipes do Corpo de Bombeiros e Samu. Maria da Conceição, 50 anos, não resistiu aos ferimentos e faleceu no hospital de Toritama. Outra vítima foi transferida para o Hospital da Restauração (HR), no Recife.

Segundo testemunhas, o Gol teria invadido a contramão. O veículo lotação tombou. Os motoristas realizaram o teste do bafômetro e o resultado foi normal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top