33 anos de saudade de Luiz Gonzaga, o eterno “Rei do Baião”

Foto: Reprodução

Luiz Gonzaga nasceu em Exu, cidade da Serra do Araripe, no Sertão Pernambucano, no dia 13 de dezembro de 1912.

Gonzaga cantou as alegrias, a pobreza, as tristezas e as injustiças que aconteciam no sertão nordestino. Ele mostrou pro Brasil inteiro toada, aboio, xote, xaxado e baião.

A canção que marcou sua carreira foi “Asa Branca”, composta em 1947 em parceria com o advogado cearense Humberto Teixeira.  

Em 2 de agosto de 1989, há 33 anos, uma parada cardiorrespiratória silenciava Luiz Gonzaga. Mas, as suas canções assim como seu legado são lembrados até hoje com grande alegria e emoção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

scroll to top
error: O conteúdo está protegido !!