Sport perde para o Athletico e dá adeus ao sonho da Sul-Americana

Ewerthon tenta jogada diante do Athletico – Foto: Du Caneppele/Ofotográfico/Folhapress

Sem o peso da disputa para evitar o rebaixamento, o Sport entrou em campo na noite desta quinta-feira (25) com outro objetivo em mente. Diante do Athletico/PR, o Leão buscava os três pontos para garantir sua passagem à Copa Sul-Americana e fechar com chave de ouro a temporada. Porém, no encontro válido pela 38ª e última rodada da Série A, o Rubro-negro pernambucano foi derrotado por 2×0, viu o Bahia vencer seu compromisso, e terminou o Brasileiro na 15ª colocação, com 42 pontos.

Ciente da necessidade do resultado, o Sport iniciou o confronto marcando no campo ofensivo. Com Thiago Neves, Marquinhos e Dalberto, o Leão pressionava a saída de bola do Furacão e tentava incomodar em alguns lances, mas sem muito perigo. Aos poucos, os donos da casa foram se encontrando em campo e não demorou para, na primeira oportunidade, abrir o placar. Ainda aos sete jogados, Christian enfiou grande bola para Renato Kayser. O atacante dominou e rolou para o meio da área. Livre de marcação, Nikão só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes. O tento esfriou os ânimos do time de Jair Ventura, que quase sofreram o segundo em grande jogada de Carlos Eduardo.

Com o Bahia vencendo o Santos, o Sport voltou do intervalo para o tudo ou nada, chegando a igualar o marcador com Thiago Neves. Entretanto, o camisa 30 foi flagrado em posição de impedimento e viu o gol ser anulado. Apesar do balde de água fria, o time da Praça da Bandeira não diminuiu o ímpeto e quase empatou com Patric. Livre, o lateral-direito cabeceou para fora, aos 18. Já sem grandes pretensões no campeonato, o Athletico buscava administrar o encontro, aproveitando a instabilidade leonina no jogo, e fazia Luan Polli ser acionado. Com o  Leão entregue, o Furacão deu números finais ao duelo com Leo Cittadini. O meia recebeu lançamento de Khellven nas costas de Patric e tirou qualquer chance de reação leonina.

Ficha do jogo

Athletico 2
Santos; Jonathan (Khellven), Pedro Henrique, Zé Ivaldo e Abner; Christian (Aguilar), Léo Cittadini e Jadson (Erick); Carlos Eduardo (Walter), Nikão e Renato Kayzer (Bissoli). Técnico: Paulo Autuori.

Sport 0
Luan Polli; Patric, Thyere, Maidana, Adryelson e Júnior Tavares; Marcão (Gustavo), Betinho e Thiago Neves; Marquinhos e Dalberto (Mikael). Técnico: Jair Ventura.

Estádio: Arena da Baixada (Curitiba/PR)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Daniel Luís Marques (ambos de SP)
Árbitro de vídeo: José Cláudio Rocha Filho (SP)
Gols: Nikão, aos 7′ do 1T e Leo Cittadini, aos 40’do 2T (CAP)
Cartões amarelos: Adryelson, Jair Ventura (SPT)

Informações do Portal FolhaPE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top