Morre no Rio, aos 91 anos, a astróloga e radialista Zora Yonara

Morreu na tarde desta sexta-feira (11), no Rio de Janeiro, a astróloga e radialista Zora Yonara, vítima de pneumonia. Ela tinha 91 anos e sofria de Mal de Alzheimer.

Foto: Arquivo O Globo

Creusa Gramacho Carosella, nascida em Vitória, no Espírito Santo, era radialista, radioatriz e astróloga. Iniciou a carreira ainda jovem, produzindo programas e participando de radionovelas, como “Minha vida é assim”. Após cursar Astrologia, começou a se apresentar na rádio como astróloga, e o sucesso chegou quando começou a trabalhar na Rede Globo, no programa “TV Mulher”, em 1982.

Zora Yonara trabalhou durante anos no programa ‘Show do Antonio Carlos’, em várias emissoras de rádio no Rio. Durante muitos anos, na década de 1980, a Rádio Liberdade AM de Caruaru, Agreste de Pernambuco, veiculou o horóscopo da astróloga que era enviado semanalmente pela Rádio Globo através dos Correios.

O nome artístico Zora Yonara foi sugerido pelo radialista Mário Luiz, que morreu aos 89 anos, em 2009. Zora, em grego, quer dizer força e coragem. Yonara era em homenagem à atriz Yoná Magalhães.

A astrologia surgiu por acaso, quando ela teve de substituir um astrólogo que faltou ao trabalho em uma rádio carioca. O radialista Mário Luiz pediu para ela ler no ar o horóscopo que o astrólogo tinha feito. Posteriormente, Zora foi até a Itália, Egito e outros países atrás de conhecimento, livros e formação nos astros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top