Polícia Federal deflagra em Caruaru Operação Dissímulo

Foto: Edvaldo Magalhães/Arquivo Liberdade

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (30) a Operação Dissímulo, para combater a atuação de uma associação criminosa estabelecida nos municípios de Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe, Agreste de Pernambuco. Ela era especializada na execução de crimes patrimoniais contra agências bancárias, na modalidade de roubo mediante sequestro e extorsão de funcionários.

O líder da quadrilha era um vigilante de 32 anos, funcionário de uma empresa de segurança de valores, natural da Bahia e residente em Caruaru. Ele já havia sido preso em uma ação da Polícia Federal no dia 7 de fevereiro deste ano.

Na ação desta terça, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão nos bairros Agamenon Magalhães, Cidade Jardim Rendeiras e Vassoural expedidos pela 3ª Vara Criminal da Comarca de Caruaru, em endereços de suspeitos de integrarem o grupo criminoso.

Os crimes atribuídos aos investigados são de associação criminosa e roubo qualificado, com penas que somadas podem chegar a 18 anos de reclusão. Participaram das buscas 25 policiais federais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top