Sindloja vai entrar na Justiça contra a Prefeitura de Caruaru

Foto: Izaias Rodrigues/Arquivo Liberdade

O Sindicato dos Lojistas do Comércio de Caruaru (Sindloja) se posicionou contra um decreto da Prefeitura determinando que as empresas façam testes de Covid-19 em seus funcionários caso apresentem sintomas da doença. De acordo com o presidente da entidade, Manoel Santos, será impetrado ainda esta semana mandado de segurança para suspender a medida.

O sindicalista entende que a obrigação em arcar com as despesas é do governo, pois recebeu recursos para combater a pandemia. Manoel Santos considera arbitrário o decreto da Prefeitura de Caruaru que, segundo ele, força o setor privado a assumir um compromisso que é do Estado.

Veja vídeo

Em nota, a Prefeitura de Caruaru informou que, em novo decreto publicado nesta quinta-feira (28), fica sendo apenas recomendado que as empresas do município providenciem a aquisição de teste sorológico rápido para seu empregado, de modo a evitar eventual disseminação entre seus empregados e clientela. Em caso de testagens positivas, a entidade deverá informar imediatamente à Secretaria Municipal de Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top