Sem conseguir UTI, técnica em enfermagem morre com suspeita de Covid-19 em Pernambuco

Morreu na noite de sexta-feira (17), no Hospital João Murilo, em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco, a técnica em enfermagem Williane Maily Lins dos Santos, 30 anos, suspeita de ser mais uma vítima do coronavírus. Amigos e familiares denunciam falta de UTIs no Estado para atender casos graves de Covid-19.

Williane, que deixou uma filha de seis anos, lutava pela transferência para uma unidade de terapia intensiva desde a manhã da quinta-feira (16), quando o quadro do que parecia ser uma grave laringite se agravou, após duas semanas de sintomas. Foram mais de 24 horas tentando uma transferência. Quando surgiu uma UTI – disponibilizada num hospital privado do Recife – era tarde demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top