Máscaras são produzidas em espaço profissionalizante da Funase em Caruaru

Um espaço antes dedicado somente a aulas profissionalizantes dentro da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) agora está temporariamente voltado para produção de máscaras. A confecção acontece na sala de costura e customização do Centro de Internação Provisória (Cenip).

A expectativa é de que sejam confeccionadas até 400 unidades para distribuição em 15 unidades socioeducativas em operação no Estado. As máscaras serão utilizadas por servidores e ficarão à disposição de socioeducandos que apresentarem sintomas gripais. As primeiras máscaras já estão prontas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top