Pernambuco receberá dois mil kits para teste da covid-19

Foto: Danny Lawson / POOL / AFP

O secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo, anunciou nesta sexta-feira (20) que entre as medidas que estão sendo trabalhadas para estruturar o Estado para enfrentar a pandemia do novo coronavírus está a construção de parcerias para ampliar a capacidade de diagnósticos da covid-19. Está prevista para a próxima semana a chegada de dois mil kits de testagem, o que dará capacidade para realizar cerca de 100 testes por dia.

Esse suporte será necessário, segundo Longo, para dar maior segurança aos profissionais de saúde que estão atuando no front. “Os profissionais de saúde passarão a ser priorizados para podermos afastá-los quando for necessário e os termos de volta mais rápido. Para podermos cuidar da possibilidade de os profissionais adoecerem por síndromes gripais, não necessariamente a Covid-19, e poder tomar medidas preventivas”, destacou o gestor.

Longo fez questão de frisar também o protocolo que deve ser adotado por quem manifestar sintomas compatíveis com um quadro de infecção pelo novo coronavírus. “A gente tem recomendado que deve permanecer em atenção hospitalar apenas os quadros que têm sintoma de alerta, que faça referência à Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), que nem sempre é causadas pelo novo coronavírus. Podem ser causadas pela Influenza A (H1N1) ou até bactérias”, disse Longo.

Os sintomas em questão são desconforto respiratório, falta de ar, saturação baixa, febre e prostração. “Esses são os sinais para (o paciente) procurar ajuda hospitalar e também para as equipes de saúde manterem (o paciente) em atenção hospitalar, seja em enfermarias ou UTI. Sobretudo se forem pessoas acima dos 60 anos. São esses os casos prioritários para teste, tanto para diagnosticar Influenza A quanto a Covid-19”, enfatizou o chefe do setor de infectologia do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), no Recife, Demétrius Montenegro.

No último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde de Pernambuco, no fim da tarde desta sexta, o Estado registra 31 casos confirmados da Covid-19 e outros 289 casos em investigação. Foi anunciada também a primeira alta clínica relacionada ao novo coronavírus em Pernambuco. Trata-se de uma mulher, 66 anos, moradora do Recife, que foi internada no dia 5 de março, após retornar de viagem à Itália.

Do Portal FolhaPE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top