Destaques Notícias Últimas Notícias

Quarta-feira de decisões pelo Campeonato Pernambucano

Estádio Lacerdão (Foto: Breno Costa)

Três confrontos decisivos movimentam a noite desta quarta-feira (14), e dão o pontapé inicial nas quartas de final do Campeonato Pernambucano 2018. No interior do estado, Central e América e Salgueiro e Vitória entram em campo às 20h, de olho na semifinal da competição estadual. Já na capital, Sport e Santa Cruz se encaram às 21h45, na Ilha do Retiro. Ao final do duelo, apenas o vencedor do Clássico das Multidões vai seguir vivo na disputa.

Na 11ª rodada do Estadual, a Patativa do Agreste conquistou uma importante vitória sobre o Carcará e acabou a primeira fase do campeonato na vice-liderança. Os três pontos permitiram que a equipe alvinegra decidisse o jogo único do mata-mata no estádio Lacerdão, diante do 7º colocado, América, que apesar da posição, foi o segundo time que mais marcou gols no Pernambucano. Ao todo, o Alviverde da Estrada do Arraial balançou as redes em 15 oportunidades – duas a menos que o Náutico.

Apenas um ponto distanciou o Salgueiro do Vitória na primeira etapa da competição. Este importante ponto rendeu ao Carcará o mando de campo e o apoio do seu torcedor. Após a chegada do técnico Sérgio China, o Tricolor Sertanejo apresentou um melhor futebol e terminou a primeira fase no grupo dos quatro melhores classificados. Já o Tricolor das Tabocas, somou três derrotas nas últimas três rodadas e perdeu a boa gordura acumulada no início do Estadual. O técnico Fernando Lins viu a sua equipe levar 10 gols em três jogos.

Com teor decisivo, o Clássico da Multidões desta semana vai render a classificação para a semifinal ou a eliminação do Campeonato Estadual. Na última quarta-feira (07), o empate prevaleceu. Caso o resultado se repita, o avanço para a próxima etapa será decidido nas penalidades máximas. Disputando apenas o Pernambucano, o Leão vai para o jogo com unhas e dentes, pois, em caso de eliminação, vai passar aproximadamente um mês para voltar à campo. Já a Cobra Coral, defende uma invencibilidade de 10 partidas sem derrotas.

 

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: