Entretenimento Últimas Notícias

Cinebiografia contará história de Roberto Carlos nos cinemas

O rei que é ícone da música popular brasileira terá um filme contando a sua trajetória da jovem guarda, com lançamento confirmado para 2019. A cinebiografia já está em pré-produção e grandes nomes como Vanderléa e Erasmo Carlos participarão do filme, mostrando a grande amizade entre eles, que iniciou ainda na juventude.

Adorado por todas as gerações, o rei desperta o fascínio nas mulheres, não apenas pelas músicas românticas, mas pelo carrinho e atenção que tem para com elas. No shows ele sempre distribui rosas para a plateia, que é composta na maior parte por mulheres. A conquista do apelido não é à toa, além de um grande cantor, ele é um excelente compositor. Inclusive, a maior parte das suas música foi feita com o amigo Erasmo Carlos. Ao qual ele ainda divide regravações e participações em gravações de DVDs.

Pode-se considerar que Roberto já passou por todos os estilos musicais. Começou pela MPB, depois mudou o seu repertório para o rock e atualmente está na linha do romântica. Sua carreira é marcada por duetos com artistas nacionais e internacionais, como é o caso da música Chegastes, dueto feito com a cantora Jennifer Lopez. Sempre inovando é isso que faz o rei sempre está em alta. Ele produz anualmente um especial na semana do natal pela Rede Globo, um clássico esperado pelos ídolos do cantor.

O artista é um cantor bilíngue, com gravações em espanhol, inglês, francês e italiano. Consagrando sucesso no Brasil e no exterior. Além disso, ele foi vencedor de diversas categorias renomadas: como o Troféu Impressa, no qual ele ganhou 22 vezes; o troféu Roquete Pinto, no qual possui três conquistas, ganhador duas vezes do troféu Melhores do Ano na Rede Globo, entre outros. Roberto Carlos é um artista completo, e todos os frutos são reflexo de anos de dedicação e empenho.

A obra cinematográfica já pode ser considerada sucesso de bilheterias por ter o brasiliense Breno Silveira como diretor. Responsável por sucessos como o filme Dois Filhos de Francisco e por Gonzaga: De Pai Para Filhos. A história mostrará quando ele ainda era criança, sofreu um acidente e perdeu o movimento da perna direita. Até 1968, quando o artista ganhou o prêmio do festival San Remo na Itália, por causa da música Canzone per te. Depois disso, veio o grande sucesso Como é grande o meu amor por você.

Deixe seu comentário